terça-feira, 29 de janeiro de 2008

O Sexo da Solidão

Não sei se a palavra "sex" continua a ser a (supostamente) mais colocada nos motores de busca da Internet mas que há muito foi verdadeiramente ultrapassada, lá isso foi. Daquilo que vou lendo, ouvindo e analisando... a palavra mais colocada naquelas janelas com vista para o mundo chama-se "solidão"... E cada vez mais vejo que as pessoas estão sós, que deixam de investir em amizades para evitar decepções, que deixam de acreditar em pessoas para não saírem feridas, que deixam de "ter" família porque esta está cada vez mais distante, fisicamente ou não... Enfim, os estudos não contabilizam grandes somas nas procuras de "solidão" porque ela subdivide-se em milhares de sinónimos, fintando desta forma as estatísticas que vêm no sexo e no dinheiro a resposta para todas as dúvidas, a solução para todos os milagres.

7 comentários:

Suzana lux disse...

É o mundo que temos e que infelizmente vai piorar, porque hoje Amizade e Amor para muitos(as) não passam de meras palavras...e na relidade são sem duvida indescritiveis...

Jocas de uma Amiga que tem muitas saudades, nada de solidão para estes lados, mesmo longe de pessoas tão queridas que tive que deixar...

Bárbara Chantal disse...

Olha, isso aumentou por causa da internet, as pessoas andam super isoladas.
Eu não me encaixo nisso, tenho amigos maravilhosos, e mesmo que me decepcione com um ou outro, ainda não perdi minha fé.

gaivota disse...

de facto há muita solidão, há gente muito só e muitas vezes quem vive rodeado de família, está mesmo SÓ!
a solidão é má companheira
mas o estar sózinho, é necessário, não é de todo a mesma coisa!
eu tenho a minha família sempre presente, mesmo longeeeeeeeeeeeee
e muitos Amigos, felizmente
um beijo para ti com muita amizade

Gerlane disse...

E isso é muito lamentável, meu caro! O ser humano ao se isolar dos outros, acaba se perdendo em si mesmo, em sua solidão!
Ainda bem que, na região onde moro, existe um povo financeiramente carente, mas, bem abastado em sentimento e calor humano, por isso, a solidão não me atinge tanto.

Beijos pra ti!

Manuela disse...

Olá Francisco, tocas sempre em temas que me tocam, no sentid que eu também penso na vida, nas pessoas e na nossa qualidade de vida que é cada vez menor, falo por mim...
Eu adoro os meus Amigos virtuais, alguns já são mais reais que virtuais, são amigos e ponto. No entanto as pessoas ficam aqui ligadas muito tempo, procuram o que não têm, a custo baixo, á distância de um click... vivem de uma mentira e nunca chegam a perceber que mesmo ao lado está um amigo/a uma mão estendida...
A solidão é um facto, uma realidade, é bom falar dela, desabafar mas também é muito bom perceber que a melhor cura para a solidão está dentro de nós....
Olha estou quase como aquele filme antiguinho... "os deuses devem estar loucos..."
beijo Francisco
Ah! Obrigado por te lembrares de mim...

Teardrops disse...

A cidade, a sociedade e o desencanto que algumas relações nos causam, fazem de nós pessoas mais "frias" emocionalmente, e mais desligadas...

A solidão, sentida ou não, é uma das constante mais presentes em muitas vidas... e a internet e os blogs concretamente são os melhores reflexos disso, como espelhos de nós e dos outros...

Um beijo

MIMO-TE disse...

É mesmo, por isso não sei se sou corajosa ou simplesmente louca. A verdade é que continuo a acreditar nas pessoas, ou melhor na mudança que se pode dar nelas. E sem varinha mágica!!! Basta apenas um olhar sincero e fixo, umas palvras simples e sentidas e nada de segundas intensões, jogadas e estratégias. Funciona! Já vi muita transformação e quem não gosta foge, felizmente :))))

Bjo
Mimo-te