segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

Mas...

Cada vez mais tapamos os olhos, cada vez mais colorimos o que é mais cinzento, mesmo sendo nós um pôvo mesquinho com a mania de colocar defeitos em tudo e, como não poderia deixar de ser,... no "vizinho".
Já repararam que se a conversa for "falar bem" abanamos quase inconscientemente a cabeça a concordar enquanto o dito cérebro tenta encontrar algo que sirva para, em segundos, argumentar que... "é bom mas afinal..."
Por vezes penso que somos o pôvo dos "mas", o pôvo dos "não é bem assim", o pôvo do "se virmos bem"... Se virmos bem?!? Mas que lata temos nós para ir do 8 ao 8000 mais rápido do que qualquer TGV?!? E tudo porque "há sempre um coitadinho mais coitadinho" do que nós porque, se levantarmos a barriga, somos uns autênticos Reis... Sim, principalmente porque já vimos isto, conhecemos o primo do tio que conhece aquele e temos a certeza de estar certos porque "ouvimos falar que..."
Bem, com tudo isto, quase me apetece dizer que vemos demais naquilo que pensamos ter ouvido... e o "coitadinho" que não nos apareça numa conversa pois, até pode ser um anjo, mas há-se acabar como um demónio,... coitado.

7 comentários:

Mónica...Cine Cuentos. disse...

Olá!! Mi primera visita a tu blog. Soy de uruguay y te invito a visitarme. Lindo post!!!!
Y tenés razón.. es así.


Beijos.

Olá!! disse...

És asi... pués entonces, más la verdad és que... ;))) perdón fue irresistible....

Em boa verdade os burros abanam a cabeça, outros andam a ver o circo e quem pode agarra a taça... os palhaços são????
Pois....

Sandra T disse...

Também somos um povo que se tem em muito má conta, conheço outros povos assim, aliás acho que é da essência humana, independentemente de ser aqui ou na China.

Francieli Hess disse...

Não gosto de gente. Pessoas são cruéis, muito.

gaivota disse...

tanta gente e tão poucas pessoas...
já dizia um simples mortal, folósofo por natureza...
é assim,

- Carolzinha ' disse...

piior é que é bem assim mesmo né.
muitas vezes nos pegamos falando mas das outras pessoas, e é de custume que nem nos ligamos disso.
Não fazemos por mal, mas tbm não digamos que é tão bem assim.
Beijoo!
volte sempre =*

Verônica Martinelli disse...

Em uma confersa entre pessoas há assunto mais interativo do que falar da vida de outrem?
Até porque, é dessa forma que podemos nos consolar com "a minha vida é boa porque reclamo tanto".
Enquanto em outro lugar, outras pessoas falam de você e dizem a mesma coisa.
O que deveriamos fazer é cuidar de nossos narizes antes que eles fujam de nós!

Beijos^^